0

A Folha de São Paulo deste sábado, 25, destaca que a Operação Lava Jato vai centrar fogo nas delações premiadas de executivos do grupo JBS, uma delas que atingem em cheio o atual governador do Pará Helder Barbalho e seu honestíssimo pai, o senador Jader Barbalho.
O diretor-executivo do grupo JBS, Ricardo Saud – responsável pelas delações contra os tucanos José Serra e Geraldo Alckmin, alvos de operações da Polícia Federal esta semana, em São Paulo, em depoimento à Polícia Federal e a procuradores do Ministério Público Federal, acusa Helder e Jader Barbalho de ter recebido R$ 8,9 milhões em propinas.
Veja o vídeo em que a Jornalista Priscilla Castro, da TV Liberal, revela o depoimento de Ricardo Saud acusando Helder e Jader Barbalho pelo recebimento da propina da JBS.

Assista a reportagem da TV Liberal.
Ronaldo Brasiliense
Ronaldo Brasiliense é o repórter mais premiado da Amazônia nos últimos trinta anos. Conquistou os maiores prêmios da imprensa brasileira em uma carreira marcada por reportagens denunciando a corrupção, a malversação do dinheiro público, em defesa da democracia, dos direitos humanos, da preservação do meio ambiente e da cultura dos povos da floresta. Atualmente, Ronaldo Brasiliense é presidente da Academia Artística e Literária de Óbidos (AALO) e da Associação Cultural Obidense (ACOB), que administra o Museu Integrado de Óbidos e promove anualmente o Festival do Jaraqui, além de executar obras com o apoio da sociedade civil obidense e do poder público municipal, como a atual revitalização do histórico Forte Pauxis, marco de fundação da cidade de Óbidos.

Com o cooler na mão

Anterior

Pará se destaca na pandemia em número de casos e óbitos

Seguinte

Pode ser do seu interesse

Comentário

Deixe sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais de Corrupção