0

Durante a sessão do Tribunal Regional Eleitoral do Pará desta quinta-feira, 13, que julgou o registro de candidatura de Mário Couto (foto), do PP, ao Senado Federal, a presidente estadual do PRTB e esposa de Mário Couto, Solange Couto, fez grave denúncia contra o candidato ao Governo do Pará, Helder Barbalho, do MDB.

De acordo com Solange Couto, Helder Barbalho, à época Ministro da Integração Regional, disse em uma reunião que, “ele (Helder) não tinha força no Tribunal Superior Eleitoral, mas que no TRE do Pará, Helder mandava”. A reunião teria acontecido na residência de Mário Couto, localizada no condomínio Água Cristal.

Solange Couto voltou a afirmar que a assinatura do secretário-geral do PP na ata da convenção do dia 05 de agosto, foi adulterada. O caso foi denunciado nesta quarta-feira, 12, ao Ministério Público Federal, pelo candidato a primeiro suplente de Mário Couto, Eslon Martins.

Assista:

Por Portal Roma News

Chapa de Helder Barbalho é acusada de falsificar assinatura de dirigente do PP

Anterior

Eleitor rejeita xenofobia de Helder

Seguinte

Pode ser do seu interesse

Comentário

Deixe sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *